Seguidores

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Edgardo Xavier


Nesta Noite
Tu és no vazio o meu desejo
 o corpo firme a pedra bruta
 a rubra lucidez astuta
 a língua de aço cortante
Para ti estou aqui e sou distante
 até que suba pela minha à tua boca
 até que te desça feroz a humanidade
 e te iguale na sede à liberdade
Nesta noite só tu és claridade.

Edgardo Xavier


 Publicado RDL, 2015
 Ilustração de Kenji-Yoshida. 



1 comentário:

fatima maria disse...

As tuas palavras são a lei do meu espírito
e o teu corpo o meu campo de luxúria.
Contigo sinto azul em qualquer céu.

Gostei,bjinho.