Seguidores

sábado, 31 de outubro de 2015

João Dimas

Também recordo e escondo
 Os fervorosos beijos que nunca te dei
 Os poemas que nunca te disse, e escrevi para ti
 Porque me apaixonei, e nunca disse a ninguém.
 Também recordo o contorno do teu rosto inflamado
 ... E as doces metáforas que li no silencio dos teus lábios.
 Sim, ainda sinto o teu cheiro, quando escrevo saudade...
 E choro a impossibilidade...De ser o teu príncipe encantado.


 Autor: João Dimas 💕 In, " Este é o livro do meu desespero "


1 comentário:

fatima maria disse...


... E as doces metáforas que li no silencio dos teus lábios.
Sim, ainda sinto o teu cheiro, quando escrevo saudade...


bjinho,tem um doce Domingo.......