Seguidores

sábado, 25 de julho de 2015

Tereza Brinco Oliveira ///// O lado oculto....

O lado oculto




Sou esta metade. A que vês, a que sentes,
a que tateias. Aquela que sorri e chora. A que te dá vida
corpórea.
Sou a amante, a amiga, a companheira de uma vida...
ou de um só dia.
Sou essa que tem face mas sou a outra, também.
Sou a que sente em segredo, a que pensa e sonha e não diz a ninguém.
Sou a que se esbate na tela e bate no coração.
Sou o imaginário do que não digo, o mistério do que desejo,
o sortilégio do sonho, o feitiço da minha verdade,
a sedutora da minha própria vida,
o risco entre a sanidade e a loucura.
 

Tereza Brinco Oliveira
in "Marginália", Edita-me, 2015
Ilustração de César Paternosto  


Foto de Rogério Edgardo Xavier.


1 comentário:

fatima maria disse...

Que maravilha!!!!!!!!!!!!!

Sou essa que tem face mas sou a outra, também.
Sou a que sente em segredo, a que pensa e sonha e não diz a ninguém.
Sou a que se esbate na tela e bate no coração.
Sou o imaginário do que não digo, o mistério do que desejo,
o sortilégio do sonho, o feitiço da minha verdade,
a sedutora da minha própria vida,
o risco entre a sanidade e a loucura.

bjinhosss,Conde