Seguidores

domingo, 26 de julho de 2015

Cecília Vilas Boas //// EM MIM

Em mim

Um MAIS UM srsrsrsrsr ‏



Como nos céus
Existe em mim um infinito
Uma sede de ti
Uma angústia que permanece além do tempo
Vivo a intensidade do amor
Aquele que conheci
E a tormenta da saudade
Já nem sei bem o que sinto
As memórias dão colo às aves
Sei agora porque lhes dói o ser
Vivo de ilusões
Aquelas que o mundo não tem
Como queria não tentar compreender
Como desejava ser apenas razão!


Cecília Vilas Boas
In MARGINÁLIA, Edita-me, 2015.  




1 comentário:

fatima maria disse...

Muito lindo,mesmo!!!!!!!


Como nos céus
Existe em mim um infinito
Uma sede de ti
Uma angústia que permanece além do tempo
Vivo a intensidade do amor
Aquele que conheci
E a tormenta da saudade....

Bjitos.