Seguidores

terça-feira, 21 de julho de 2015

Apeteceu-me.....rsrsrsrsrsrsrs

Colei meu corpo ao seu,
apertando-o deliciosamente...
Teu jeito safado pedia para não parar
Tua pele, exalando o cheiro de fêmea,
me deixava desnorteado...
Quando colei minha boca na tua
perdi a compostura
Rasguei teu vestido para sentir o calor
de teu peito
Minhas mãos, inquietas,
desejavam tocar tuas curvas
Tentava, em vão, decorar teus segredos
Quase perdia a consciência enroscado
em teus braços
Se pudesse, te prenderia eternamente
em meus braços,
Gozando do prazer de dividir com você
este doce momento
Quando minha menina se transforma
na loba sedenta
Louca para saciar sua fome,
louca para ser possuída
E eu me transformo no menino vadio
que ela adora
Satisfazendo suas vontades
e dizendo palavrões ao pé do ouvido
Cada gesto, cada palavra,
cada toque a excita ainda mais...
Aos poucos nos perdemos dentro do outro
Um desejo, uma intenção, um só tesão
Somos duas crianças na beira de uma praia
construindo castelos de areia.
Cada uma desejando fazer o maior castelo
Esperando que as ondas do mar os carregue
para restar apenas a alegria....
Somos apenas paixão
Somos dois corpos fundidos em um só desejo
Numa ânsia louca de saborear cada momento,
cada ato, cada sensação
Depois, exaustos ainda resta o
calor de nosso corpos
para nos aquecer pela noite a dentro
Nenhuma palavra, nenhum olhar,
somente o calor dos corpos
de duas almas errantes 
 
 
 
 
 
 

1 comentário:

fatima maria disse...

Aos poucos nos perdemos dentro do outro
Um desejo, uma intenção, um só tesão
Somos duas crianças na beira de uma praia
construindo castelos de areia.
rsrsrsrsrs!!!

bj,Conde