Seguidores

sábado, 26 de abril de 2014

Laura Santos /// Passado



PASSADO


Nos montes deixei a tua imagem
gravada na pedra do passado.
Parti em longa viagem, à espera da janela
do significado.Cada significante surgia
no cume da palavra, em cada dia
na tua voz de linho. Tanta a saudade
do que não fiz, tantas as pedras no caminho.
Na coragem da ternura sopra o vento
que faz desabrochar um rio
no meu cabelo...Vem despentear-me,
vem dizer que sim.
Vem deitar-te enfim, como água
sobre mim.
 
Laura Santos

2 comentários:

Rosa Purpura disse...




gosto de Laura Santos....

beijo grande

rosa púrpura

fatima disse...

Muito sensual........

Vem despentear-me,
vem dizer que sim.
Vem deitar-te enfim, como água
sobre mim.
Vemmmmmmmmm...

Bj D.Juane.