Seguidores

segunda-feira, 24 de março de 2014

Helena Guimaraes //// Primavera



Com receio e com cautelas
a Primavera dá novas :
estão as magnólias em flor !
Oh ! Meu Deus, que lembram elas?
Aos estudantes... as provas,
aos sonhadores.... amor !

A Primavera na aldeia
é bela , cheia de flores ,
tem encantos de jardim.
Na cidade é mais feia,
falta-lhe o matiz das cores
e o doce aroma a jasmim.

Nos campos há água pura
que escorre na erva verde
e dá frescura de Abril!
No céu azul, o sol procura
sorver a água , que não perde
o frescor primaveril.

Mui belas as flores abrem
as corolas de matiz,
inda de carvalho cobertas...
Nas matas as giestas cobrem,
de amarelo, em tom feliz
com as flores que estão abertas.

Como eu seria feliz
se andar pudesse nos prados,
ou na mata a apanhar flores !
Se visse o meu chafariz
salpicar os " leopardos "


e o canteiro dos amores.

Oh ! minha terra querida,
com teu ar primaveril,
eu queria viver aí.
Mas à minha alma ferida
fazem-na passar o Abril
sozinha e triste aqui.

helena guimaraes

do livro " Intimidades " / 1994 


 https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcT16wbsv-SMEDMK4GQ30__yVNLV3rJac2ilmoQrsJivnQMV-cRYVw

1 comentário:

Fatima Pereira disse...

Tão lindooooooooooo!!!!!!!!!!!!

Oh ! minha terra querida,
com teu ar primaveril,
eu queria viver aí.
Mas à minha alma ferida
fazem-na passar o Abril
sozinha e triste aqui.

bjinho Conde....