Seguidores

terça-feira, 16 de junho de 2015

EDGARDO XAVIER ///// AMAR É CRESCER POR DENTRO



 
 Contigo todas as palavras
 São de renda ou de cristal
 Contigo vestem-se de prata as manhãs
 e as horas
 Suspendem-se dos teus olhos
 Imóveis
 Como fotos do tempo

 Sou a pedra em que te apoias
 Acordo ao som do teu nome
 E cego para tudo o que não seja
 A luz que vem de ti
 Cantam em mim as tuas alegrias
 Soam cá dentro as tuas mágoas
 Sou toque de ave-marias
 Sou som de todas as águas
 Sou o arrepio das folhas
 Na bebedeira do vento
 Amar é ser tudo isto
 Amar é crescer por dentro
 


EDGARDO XAVIER

 in CORPO DE ABRIGO (Tema Originais, 2011)  





1 comentário:

fatima maria disse...

Contigo vestem-se de prata as manhãs
e as horas
Suspendem-se dos teus olhos
Imóveis
Como fotos do tempo


lindo,lindo,bjinho.......