Seguidores

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Laura Santos //// Música


Fabricarei nas tuas mãos os frutos do paraíso,
desenharei no teu sorriso o canto dos pássaros.
Tocarei tambores, limarei as arestas dos espaços
inventados nas orquídeas abertas.
Envolverei cada despertar em sonatas de magia
e em compassos de luz recuperarei como cristais
a sedução que me conduz.
Devolverei a melodia das baladas no momento
sentindo em cada andamento dos nossos braços
a cor original do som e do movimento.
Com tua música de gestos e partituras,
desenharei em canção quadros de esbeltas figuras.
Orquestrarei num tom mudo, a sinfonia do meu olhar aberto
no teu corpo musical desperto.
Depois, suave adágio, harmonia de flautas...
Sentir "a capriccio" o gosto de te ouvir como cravo
nos meus cabelos castanhos, apanhar do chão
claves de sol de todos os tamanhos.
Ritmar em tocata e fuga, na tua ausência lapidar
a presença que em mim, sem parar habitas.

Laura Santos






1 comentário:

fatima maria disse...

Ritmar em tocata e fuga, na tua ausência lapidar
a presença que em mim, sem parar habitas.

Muito lindooooooooo...
bj.