Seguidores

quarta-feira, 30 de junho de 2010

para sempre....



Vi-te,
Sorri
Tocavas viola
Olhaste-me
Olhos nos olhos
O ritmo
Aumentou todos os dias
Assim como o nosso desejo.
Finalmente a sós
Sentimo-nos
Como
Quem sente
Pela primeira vez
Um acorde musical
Tocámo-nos
Como
Quem toca
Algo que não se pode partir
Amámo-nos
Como
Só o amor ali existisse.
Até que um dia
A corda da viola
Partiu-se
A música ficou desafinada.
Como adoro música
Detesto desafinações
Parti a viola.
Foste embora
Sem saber
Que eu
Te amei
Para sempre.

4 comentários:

segredo disse...

Don Juan

As tuas palavras tocam me de uma maneira especial...
Um homem a amar nessa plenitude... nesse profundidade...

Beijinho de lua*.*

sonho disse...

Hummm...será que o "para sempre" existe??
Sente o doce beijo d'anjo

MEUS PENSAMENTOS disse...

lindo poema ,linda imagem ,conde um abraço!

Sweetie disse...

Mas "sempre" não é todos os dias....

Gostei daqui...se me permites, voltarei...

Beijo sereno
Beijo meu